builderall

 CRESS/AM se consterna com mais de 100 mil vtimas fatais da Covid-19

O Brasil alcanou hoje, dia 8 de agosto de 2020, a trgica marca de mais de 100 mil mortos pelo novo coronavrus. Neste sbado, conforme dados oficiais do Ministrio da Sade, 100.477 vidas foram perdidas para a Covid-19 desde o incio dos registros da pandemia no Pas no dia 26 de fevereiro, quando o primeiro caso da doena foi confirmado. 

 

O primeiro bito pela Covid-19 em solo brasileiro no demorou para ocorrer. No dia 12 de maro, uma mulher de 57 anos moradora de So Paulo se tornou a primeira vtima fatal da doena, que tambm hoje atingiu outro patamar absurdo no Pas com mais de 3 milhes de casos contabilizados. Exatamente 3.012.412 pessoas que vivem no Brasil j foram diagnosticadas com o novo coronavrus.

 

No Amazonas, a Fundao de Vigilncia em Sade do Estado (FVS-AM) confirmou no boletim epidemiolgico deste sbado (8) mais 571 casos e 10 bitos pela Covid-19 tanto na capital Manaus quanto no interior. Atualmente, o Estado totaliza 106.428 infectados e 3.355 pessoas mortas pelo novo coronavrus. Entre essas vtimas fatais, profissionais de Servio Social do Amazonas, que independente de estarem ou no na linha de frente no combate pandemia, entraram nas estatsticas e deixaram em luto suas famlias.

 

Mas para o Conselho Regional de Servio Social do Amazonas (CRESS 15 Reigo/AM) as mortes que a Covid-19 causou no Brasil NUNCA SERO APENAS NMEROS. Em solidariedade e respeito a cada assistente social e todas as pessoas que tiveram as vidas ceifadas pelo novo coronavrus no Estado e no restante do Pas, a gesto do CRESS/AM ? Reconhecer a Histria para Garantir o Futuro ? lamenta profundamente pelas imensurveis perdas e afirma que no sero esquecidas.

 

O CRESS do Amazonas manter e reforar a defesa pelas polticas pblicas na rea da Sade para evitar que a grande tragdia da Covid-19 no Brasil continue a ganhar propores irresponsveis. O fortalecimento do Sistema nico de Sade (SUS) uma bandeira que carregamos e que convidamos a categoria a se engajar.

 

Crdito da foto: Alex Pazuello/Semcom (Prefeitura de Manaus)